2 de abr de 2010

CAINDO NA REAL

O Glorioso não teve chances neste jogo pois o Santa Cruz venceu e convenceu. Essa partida serviu para nós botafoguenses não esquercemos que temos um time limitadíssimo comandado por um técnico teimoso e burro com uma diretoria omissa e despreparada. A foto (Terra) demonstra o que todos os alvinegros sentimos, uma tristeza imensa em ver nosso clube nessa situação.
...
O Santa passou de fase porque veio ao Rio querendo a vaga, então, jogou pra cima e não se intimidou em atacar. Foi um verdadeiro bombardeio!
...
Mas como se intimidar em um estádio que está sempre vazio? Não existem atrativos para os botafoguenses irem ao Engenhão. A diretoria criou um programa de sócio-torcedor horrível e que está sendo um fracasso.
...
O público no Engenhão? 3.981 pagantes (4.911 presentes). No mesmo dia, o público de Atlético-MG x Chapecoense foi de 35.396 pagantes no Minerão. A torcida do BOTAFOGO é o reflexo das ações dessa diretoria ridícula.
...
Antes de começar o jogo já deu pra sentir o pessimismo e a vontade de Joel de perder o jogo. Ver Eduardo entre os titulares já foi motivo de revolta.
...
O meio de campo do BOTAFOGO foi inexistente no 1o tempo e Joel conseguiu colaborar com isso. Tirou o triste Eduardo e colocou Caio. Então, ficamos completamente sem o meio pois ali estavam Lúcio Flávio e Leandro Guerreiro com a tarefa de "armar" as jogadas para Abreu, Herrera e Caio. O Santa Cruz deitou e rolou!
...
Em outra alteração infeliz, Joel tirou Lúcio Flávio e colocou Edno (que não sabe marcar) na maior fogueira, deixando o meio mais desprotegido.
...
E Joel, em seu gran finale, colocou Gabriel no lugar de Fahel, deixando o jovem lateral (eu disse lateral) no meio de campo, onde NUNCA havia jogado! Oh céus! Onde estão Wellington Júnior e Túlio Souza, meias de origem???
...
Enquanto Joel insistir nesses caras que nunca poderiam vestir a camisa gloriosa (Lúcio Flávio, Eduardo, Leandro Guerreiro...), a torcida ficará desconfiante.
...
Jéfferson também teve uma noite pra esquecer pois falhou feio nos dois primeiros gols do Santa Cruz.
...
Dá pena do Abreu e do Herrera. É só bicão para o ataque no "toma aí, se vira!"
...
Prenúncio do tetra-vice?

Um comentário:

Fernando Gonzaga disse...

eu veio de tão longe pra assistir a minha primeira partida no Engenhão e o time joga com freio de mão puxado????

que time medíocre, meu Deus!!!quando vi a escalação inicial com o Eduardo entre os titulares já desanimei...e pior, além de escalar mal o natalino mexeu pior ainda....nem o Caio conseguiu fazer alguma coisa...

que tristeza, ter que voltar pra Santa Catarina com essa amarga e dolorosa lembrança...

abraço!!