11 de ago de 2011

COMEÇANDO BEM

Vencer o Patético-MG é rotina e o BOTAFOGO cumpriu bem seu papel, vencendo o pobre adversário por 2 a 1.

O resultado foi normal e esperado, além de ser sempre obrigação vencer a galinha mineira. Mas temos que levantar pontos importantes sobre este jogo.

Nenhum botafoguense do planeta Terra entendeu a escalação de Alessandro no time titular, mesmo depois de Lucas ter feito ótima partida contra o v4sco. Quando pensamos que o Glorioso iria evoluir, Caio Júnior fez o favor de tirar as esperanças de todos os alvinegros.

Assim como a vitória sobre o Patético-MG sempre é certa, a inutilidade de Alessandro também sempre é uma certeza. Isso foi comprovado com Richarlyson marcando o gol pateticano nas costas de... de... de... Alessandro! Isso sem falar que o lado direito não existiu ofensivamente.

Até quando aguentaremos este acéfalo???

Outro que merece destaque (negativo) é Alexandre Oliveira. Mas que diabos esse cara faz no BOTAFOGO??? O peixe de Caio Júnior sempre é a primeira opção "ofensiva" do banco. Entrou e errou todas as jogadas que tentou. Lamentável! Além de não merecer vestir o manto glorioso, acho que nem deveria jogar futebol.

Os destaques positivos, como sempre, foram Jéfferson e Loco Abreu.

Caio Júnior "tentou" fazer o BOTAFOGO perder, fazendo substituições sem sentido e armando o time bisonhamente durante o jogo. Mas a Estrela Solitária sobressaiu e saímos com a vitória.

Com o resultado, o Glorioso fica mais tranquilo para o jogo de volta.

Pergunta do dia: o que será que Alessandro faz para conseguir a titularidade e um "respeito" tão grande dentro do clube?

Postado por @leofvm

3 comentários:

Diego disse...

Alessandro prostitui alguma mulher da familia dele para os diretores do Botafogo.

Só pode ser isso.

Ed disse...

Vencer sempre é bom!

Mas foi extremamente procupante em relação ao nosso elenco.

Como vc disse, não dá pra aguentar Alessandro e Alexandre Oliveira no time!!!

Marcio Azevedo não jogou nada tb!!!

SA!

kiko disse...

Valeu pela vitória! Se bem que contra o Atlético nem tem mais graça né?